Mídia e sociedade, Temas abordados

Roberto Carlos e o Espiritismo

Morel Felipe Wilkon

Qual a ligação de Roberto Carlos com o Espiritismo?
Roberto Carlos e Chico Xavier

O que Roberto Carlos tem a ver com Espiritismo?

“Eu vou pedir que as estrelas não deixem de brilhar, que as crianças não deixem de sorrir…”

A letra de A montanha é um hino de gratidão:

Eu vou seguir uma luz lá no alto

Eu vou ouvir uma voz que me chama

Eu vou subir a montanha e ficar bem mais perto de Deus e rezar

Eu vou gritar para o mundo me ouvir e acompanhar toda minha escalada e ajudar a mostrar como é o meu grito de amor e de fé

Eu vou pedir que as estrelas não parem de brilhar e as crianças não deixem de sorrir e que os homens jamais se esqueçam de agradecer

Por isso eu digo obrigado, Senhor, por mais um dia; obrigado senhor que eu posso ver que seria de mim sem a fé que eu tenho em Você

Por mais que eu sofra, obrigado, Senhor, mesmo que eu chore; obrigado, Senhor, por eu saber que tudo isso me mostra o caminho que leva a Você

Mais uma vez obrigado, Senhor, por outro dia; obrigado, Senhor, que o sol nasceu; obrigado, Senhor, agradeço; Obrigado, Senhor, pelas estrelas, pelo sorriso, pelo perdão!

Um homem com mais de setenta anos que continua fazendo sucesso e lotando shows, num tempo de artistas descartáveis e sucessos efêmeros, é um homem que  merece um pouco de atenção.

Na minha adolescência gostava muito de Raul Seixas, e aprendi bastante com ele. Numa apresentação ao vivo Raul cantava Ouro de Tolo quando adaptou um verso da canção para dizer: “Eu devia ter feito como Roberto Carlos fez‘eu agradeço ao Senhor’”. Bêbado, decadente e deprimido com o rumo que dava à sua vida, fez um deboche com Roberto Carlos. Eu achava isso muito interessante na adolescência.

Não estou mais na adolescência, e aprendi algumas coisas de lá pra cá. Uma delas é que Não tem caminho alternativo! O caminho que leva à felicidade é o caminho reto das Leis de Deus. Não existem caminhos alternativos. Isso é coisa pra revoltadinhos.

Todos sabem que Roberto Carlos é católico. O que nem todos sabem é que desde os anos 70 ele era grande admirador de Chico Xavier. A música O homem bom é de autoria de Paulo Sette e Claiton Querido, e Roberto Carlos gravou em homenagem a Chico Xavier. Roberto Carlos é um homem essencialmente cristão, correto, discreto em relação à mídia fiasquenta.

Roberto Carlos foi o primeiro artista a abordar o sexo em suas músicas de maneira natural, sem ser vulgar ou malicioso. Falava de Ecologia quando muitos nem sabiam o que era isso. Suas músicas de temática cristã são belíssimas, independem de credo religioso. Dizem que a música O homem foi baseada numa mensagem de Emannuel. Não encontrei fontes que confirmassem isso. De qualquer modo, é um linda canção, que poderia ter sido escrita por um espírita. Aliás, o pai de Roberto Carlos era espírita.

Resolvi falar de Roberto Carlos porque tenho me sentido muito tocado por seu amor a Jesus manifestado em suas músicas, pela sua maneira simples e sem artifícios de tratar dos assuntos ligados à verdadeira Vida. Nunca haverá ninguém que se assemelhe a Roberto Carlos, no alcance e durabilidade de seu sucesso, na maneira discreta com que conseguiu manter sua vida pessoal e sua família, na sua ética cristã irretocável. Quem mais poderia fazer músicas como essas? O homem, Estou aqui, Jesus Salvador, Quando eu quero falar com Deus, , Força estranha. [Coloquei links do Youtube sobre os títulos]

Uma carreira tão longa deixa notar as transformações que ocorrem na vida de um homem durante a sua reencarnação. Começou sua carreira quando eu não tinha nascido, como um líder jovem sem grandes pretensões. Quando eu era criança Roberto Carlos já era um homem maduro e vivido. Hoje é um senhor de mais de setenta anos, religioso e em paz. 

Conheça meu canal no Youtube!

Artigo AnteriorPróximo Artigo

18 Comentários

  1. Quando o Raul disse que deveria ter feito o que o Roberto fez em tom de deboche ele se referia à posição política conformista do Roberto em relação à ditadura. Roberto Carlos foi um peão nas mãos dos militares para manipular o povo, e continua sendo agora nas mãos das organizações Globo, e é a isso que o Raul se refere. Tenho certeza que o deboche não foi pela religiosidade do mesmo.

  2. Boa noite Felipe, que prazer em ler esse texto, sempre apreciei muito suas lindas canções, Estou aqui é realmente uma oração, acredito que suas composições sejam inspiradas por Deus, é como uma que diz assim; Essa luz é claro que é Jesus. Um abraço.

  3. Bom, temos então a mesma opinião, também creio que Jesus não se manifeste dessa forma, mas sim dentro de nossa consciência. Realmente não perca tempo em ler, eu é que sou muito curiosa, mas consigo filtrar o que realmente vale a pena absorver.
    Abraços fraternos, um bom domingo.

  4. Ana Paula, confesso que nunca tinha ouvido falar. Pesquisei rapidamente na internet e vi que se trata de cartas supostamente escritas pelo Cristo. É isso?
    Materiais desse tipo devem ser lidos com muito cuidado, pois no meio de dez ou vinte verdades pode haver uma mentira, e essa mentira passa a ser aceita como verdade. Não li as cartas e não vou ler, mas se elas pretendem passar a ideia de que seu autor é Jesus, o cuidado deve ser redobrado. Jesus não se manifestaria através de médium algum pra nos trazer novos ensinamentos ou pra corrigir distorções nos Evangelhos. Essa parte compete a nós.

  5. Morel, alguns meses atrás tive acesso a “As cartas de Cristo”.
    Por favor, você tem alguma opinião sobre elas? Queria saber de sua veracidade, até então elas abrem a nossa consciência para o “todo”, mas…
    Obrigada!

  6. meu pai era espírita, nunca me envolvi muito com isso. Sempre tive medo do que não conhecia, até que com um câncer comecei a rezar e pedir a Deus que se fosse chegada a minha hora desse-me forças, se não, ajudasse-me a lutar. 15 dia antes eu sabia de minha cura, foi maravilhoso estar numa gruta tempos tão distantes lá encontrei uma grande luz e nossa senhora tocou meu pescoço e disse não sofras mais este mês ainda ficará boa foi lindo, muito lindo.

  7. Ana Paula, eu levei muito tempo até me convencer dessa necessidade de selecionar o que ouvimos. Obrigado pela contribuição.

  8. Realmente não existem caminhos alternativos, podemos até abusar do nosso livre arbítrio, mas no final a Consciência Divina nos chama à realidade. Quanto ao Roberto Carlos, confesso que só passei a escutar suas musicas depois que senti a necessidade de selecionar o que escuto, e realmente é acervo formidável.

  9. Gostei muito do texto e achei muito oportuno a lembrança dessa pessoa tão simples e fiel no amor de DEUS em um momento tão conturbado!!!!!! Como sempre, Gostei muito!!!!!

  10. Amei esse artigo sobre o Roberto. Porque amo esse artista. Ele é um exemplo de vida, de amor, profissionalismo… Ele é mesmo “O cara”. O amo. Gostei muito desse artigo, meu querido. Muita luz!

  11. Realmente, lindas canções, mas “Quando eu quero falar com Deus” me toca profundamente.
    Mais uma vez, um ótimo artigo! Bom mostrar que existem diversas canções inspiradas no Espiritismo, claro que não só com ele, mas também Paula Fernandes, Pitty, entre muitos outros.

  12. A última entrevista que ele deu no programa do Jô Soares é maravilhosa. Quem sempre o admirou como eu consegue admirá-lo ainda mais. Roberto Carlos é de um talento inegável, um poeta, músico, uma linda voz, melhor ainda de se ouvir nos shows ao vivo e um doce de pessoa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.