Comportamento, Evangelho, Leis cósmicas, Mentalismo, Temas abordados

Com a medida que medirdes, sereis medidos

menina botando o dedo na cara
A vida lhe devolve o que você oferecer a ela

Ouça este artigo na voz do autor

Você entende o que Jesus quis nos ensinar quando disse que “com a medida que medirdes sereis medidos?” Você faz coisas que não gostaria que outras pessoas soubessem que você faz? Você fala coisas que comprometem a imagem e a credibilidade de alguém? Você sabe que isso não fica em segredo, não sabe? Mesmo que ninguém descubra, sua consciência está registrando tudo. Sua consciência registra e sua mente subconsciente ativa a Lei de causa e efeito atraindo para você o que você faz, o que você fala.

A maneira como você se porta para com os outros é a maneira como a Vida irá se portar com você. Se você for duro e julgador, a Vida também será dura e julgadora com você. Se você for compreensivo e bom, a Vida também será compreensiva e boa com você. Com a medida que medirdes, sereis medidos.

Estamos falando de ações e de palavras. Mas as ações e as palavras, antes de serem ações e palavras, foram pensamentos. É com o pensamento que tudo começa. O seu pensamento determina o que será feito da sua vida. É você quem constrói a sua vida, dia após dia, pensamento após pensamento. Tudo o que você pensa, o tempo todo, é o que você atrai para você. O seu sistema de crenças faz a sua vida ser como é.

Você está permanentemente interagindo com outros espíritos, encarnados ou desencarnados; está o tempo todo trocando energias, participando do pedaço de Universo em que você está inserido. Seus pensamentos são coisas. Quando você pensa com força, quando há emoção abastecendo o seu pensamento, ele cria forma, ele pode ser visto pelos espíritos desencarnados ou pelos encarnados com clarividência bem desenvolvida. O que você imagina (imaginação: imagem + ação), o pensamento que você mantém com o auxílio de imagens está criando estas imagens. Estas imagens podem ser vistas e sentidas.

Quando você imagina que está lutando fisicamente, o seu corpo astral  realiza os movimentos violentos e sente toda a emoção de uma luta real. Quando você mantém uma discussão mental, imaginando tudo o que diria para algum desafeto e o modo como diria, o seu corpo astral gesticula, se inquieta, se agita, como se a discussão estivesse ocorrendo no plano físico. Quando você fantasia sexualmente, seja se masturbando ou se relacionando com alguém, suas fantasias tomam forma, podem ser vistas e sentidas.

Em todos esses casos, o pensamento, quando suficientemente forte e contínuo, pode atrair o espírito visado ou outros espíritos que se afinizem com essas situações. Você pode estar lutando, discutindo ou se relacionando sexualmente com espíritos que comunguem com você essas emoções descontroladas.

Sempre que você estiver descontrolado emocionalmente, sempre que você perder o domínio dos seus pensamentos, você está à mercê de companhias espirituais provavelmente indesejadas. Se você pudesse ver com clareza o que os seus pensamentos causam, o que você atrai com os seus pensamentos soltos e descontrolados, você subitamente iria desenvolver maior domínio sobre si mesmo.

Nós não costumamos levar muito a sério os assuntos relacionados com espiritualidade e com a importância do pensamento porque não vemos as suas consequências de imediato. É pena que a maior parte das pessoas começa a cogitar da possibilidade de isso tudo ser verdade, e uma verdade mais simples e compreensível do que se imagina, quando os estragos já são grandes e comprometedores.

Uma mudança de padrão de pensamentos pode mudar a sua vida. É através do pensamento que praticamos o nosso poder creador herdado de Deus. Pelo pensamento nos fazemos co-creadores com Deus. Somos partículas divinas com o poder de manifestar a grandiosidade de Deus através de nossos pensamentos, palavras e ações.

Mude o rumo dos seus pensamentos sempre que eles estiverem focados em coisas negativas. Cuide o que você pensa, fala e faz, em relação a si mesmo e em relação aos outros. O mesmo critério que você usa nas suas relações pessoais, profissionais, familiares, é o critério que a Vida irá usar com você. A Vida lhe devolve o que você oferecer a ela. Com a medida que medirdes, sereis medidos.

Conheça meu canal no Youtube!

Artigo AnteriorPróximo Artigo

11 Comentários

  1. Obrigado pela lição, Ari. As suas providências são as que eu costumo indicar. É muito bom sentir isso vindo de outra pessoa. Também é gratificante quando passamos a perceber, com clareza, nossas fraquezas e falhas de caráter, com o intuito de nos modificarmos.
    Fique com Deus.

  2. Bom dia a todos!!!
    Com muita dificuldade estou começando a entender a importância do pensamento. Já sofri e ainda sofro algumas vezes com pensamentos inadequados.
    Por várias vezes, quando deixo os pensamentos negativos fluírem, fico com raiva como se algo tivesse realmente acontecido. E muitas vezes eu estava certo nos meus pensamentos. Mas e daí? O máximo que aconteceu foi eu sofrer duas vezes, ou três, ou quatro… Há também os casos que sofri por nada, por algo que não havia possibilidade de acontecer.
    Então como não deixar os pensamentos dominarem? No meu ponto de vista, para isto acontecer, é mudar praticamente tudo que temos feito. Eu, particularmente, tenho trocado meus hábitos. Por exemplo: de ver TV (programas com conteúdos ruins) para ler livros (com bons conteúdos), comecei a frequentar um centro espírita, a ler sites falando de Deus (como este) e várias outras pequenas mudanças para não deixar o tempo ocioso ou ver e ler algo que nada acrescente negativamente (contrário às leis de Deus) em minha vida.
    O mais importante da minha mudança foi abrir as portas, de fato, para Deus. Não que ele não estava comigo, mas eu que não estava com ele.
    É gratificante saber que todas oportunidades são criadas por nós, com as intervenções de Deus. Todos os dias podemos fazer um novo começo mas, para isso, devemos ter a percepção aguçada e a imaginação direcionada para o bem.
    Tenho muito, muito, muito, muito… que aprender. Mas com tantas ajudas, como as daqui do site, já estou dando alguns passos no caminho certo.
    Obrigado a todos que publicam aqui no site. Tem momentos em que fico irritado com algumas perguntas ou comentários, mas isso me mostra o quanto ainda sou falho. Tenho tantos erros ou mais, do qualquer pessoa que comenta, aqui no site. Como o próprio nome do artigo já sugere: “Com a medida que medirdes, sereis medidos”.
    Que Deus me perdoe por todos os julgamentos que faço, pelo erros que cometi, para que eu possa melhorar todos os dias.
    Paz a todos!!!!

  3. Vou repetir aqui parte da resposta que já lhe dei em outro comentário seu:
    Wilson, você acha que devemos criticar. Eu não acredito que a crítica surta algum efeito, conforme expus neste artigo: http://www.espiritoimortal.com.br/existe-critica-construtiva/
    Ao julgar, usamos, através de nossa consciência, o mesmo parâmetro para nós mesmos, e não somos – eu não sou – assim tão adiantados a ponto de nos submetermos a julgamentos tão rígidos.
    Além disso, e o mais importante, somos escravos dos nossos hábitos. O hábito de julgar, criticar, condenar, nos faz pessoas amargas, ranzinzas, descrentes do ser humano, baixa nosso estado vibracional, impede o contato com a espiritualidade superior.
    Não se apegue às críticas de Jesus aos fariseus. Para compreender o Evangelho é preciso, no mínimo, contextualizá-lo. Sei que Jesus era firme e decidido, não tinha nada dessa imagem doce e fraca com que muitas vezes o pintam. Mas Jesus era Jesus. Tinha moral para julgar. Nós não temos. Para nós, fariseus modernos, ele disse “Atire a primeira pedra quem não tiver pecado”.
    Esse ditado que você gosta de usar, “quem cala consente”, é só um ditado popular vazio de conteúdo. Você gosta de citar Jesus; temos isso em comum. Pois Jesus se calou diante das acusações que lhe faziam.
    Wilson, para responder a comentários como o seu, utilizo um tempo que me falta. Hoje, por exemplo, não pude escrever artigo algum. Explico isso para que você entenda por que deixo sem resposta alguns comentários seus. Não há tempo para longas discussões.
    Vejo em você ideias boas, mas muito radicais. O radicalismo é insustentável, não tem bases firmes, não resiste à argumentação. Não convém sairmos atirando pra tudo que é lado, Wilson. No início do século XX os bandidos norte-americanos eram tão famosos quanto os astros de cinema ou jogadores de beisebol. Os jornais faziam sobre eles grandes reportagens. Muitos jovens seguiram o caminho do crime em busca da fama. Há um jornaleco de Porto Alegre que faz o mesmo em relação aos traficantes locais. Transforma-os em heróis. Para o adolescente da favela, sem estrutura familiar, o traficante é muitas vezes o seu modelo. Ao glamourizarem o criminoso, muitos adolescentes cometem crimes bárbaros “para aparecerem”.
    Citei estes exemplos para ilustrar que em muitos casos quanto mais se fala no crime e nos vícios, mais eles criam forças.
    A cabeça é sua e você a utiliza da maneira que achar melhor. Acho que mais cedo ou mais tarde você terá que rever os seus conceitos. Se for mais cedo, melhor.

    Não, Wilson, não devemos aceitar tudo passivamente. Devemos nos tornar pessoas melhores, procurar influenciar o máximo de pessoas possível de maneira construtiva, e utilizar os mecanismos existentes para combater os males que você citou. Nossa legislação é bastante completa e prevê penas para todos esses atos citados por você. Usemos as leis, que são ferramentas a nosso dispor. Ficar disparando pra tudo que é lado não é nada producente, além de ser cansativo e até surtir efeito contrário, pois quem muito critica perde a credibilidade.
    Quanto a Jesus, não se afobe numa leitura rápida do Evangelho.

  4. O Problema da Critica.
    1)O Mestre Jesus é o Modelo de Perfeição Moral e Espiritual que os espíritos humanos deve procurara seguir, botando em pratica seus ensinamentos de pureza moral, amor, dignidade, fraternidade, respeito pelo nosso semelhante, Jesus é o EXEMPLO a ser seguido, não somente em palavras mais principalmente em ATITUDES.
    O Mestre Nazareno também deu exemplos de Justiça e combate as coisas erradas e falsas, exemplo, diante dos fariseus e escribas Jesus condena a hipocrisia moral deles, e chama eles de hipócritas e raça de Víboras, no Templo o Mestre Jesus usa uma atitude enérgica contra o mercantilismo religioso praticado pelos Vendilhões consentido pelos sacerdotes judaicos, e Jesus chama eles de LADRÕES , vemos nesses exemplos um Jesus Moralizador e criticista, Jesus poderia tolerar a hipocrisia moral dos fariseus e escribas, mais ele fez isso??
    Jesus poderia tolerar o mercantilismo no Templo praticado pelos vendilhões, mais ele fez isso???
    O Mestre Jesus sendo o exemplo Maximo de Virtudes e de Elevação Moral ele deixou exemplos para nós seguir e praticar.
    O Mestre Jesus tem muita Moral para combater e criticar as coisas erradas e falsas, nós não temos toda essa elevação Moral e Espiritual, mais podemos exercitar partes desses exemplos.
    Se eu não tenho uma Moral elevada para censurar, criticar e condenar, eu devo então aceitar passivamente a Corrupção dos políticos.
    Eu devo aceitar passivamente o racismo contra os negros
    Eu devo aceitar passivamente as maldades praticadas contra os animais
    Eu devo aceitar passivamente os vícios
    Eu devo aceitar passivamente os crimes
    Eu devo aceitar passivamente a poluição de rios e florestas
    Eu devo aceitar passivamente as maldades humanas
    Eu devo aceitar passivamente as imoralidades
    Eu devo aceitar passivamente os pedofilos
    Se eu não tenho Moral elevada para censurar, criticar e condenar eu devo aceitar passivamente as coisas erradas e falsas
    Vejamos as conseqüências erradas que esse pensamento enfermo produz na mente das pessoas, levar todo mundo para a Omissão e passividade
    Uma pergunta, devemos deixar o campo livre para o mal crescer???

    2)Pela critica inteligente e moralizadora podemos frear o mal na sociedade, exemplo, os políticos corruptos querem um povo que não questiona nada, ninguém critica, ninguém analisa, ninguém condena, ninguém reclama, todo mundo aceita tudo passivamente pela omissão, é isso que os políticos corruptos querem e adoram, um povo omisso que não reclama nada, só pensa em futebol, carnaval, novelas, cerveja, sexo etc.
    Uma pergunta, devemos aceitar a corrupção política passivamente ou devemos criticar e condenar essa corrupção???
    Outros exemplos.
    Devemos aceitar o racismo contra os negros passivamente ou devemos criticar e condenar o racismo??
    Devemos aceitar passivamente as maldades praticadas contra os animais ou devemos criticar e condenar essas maldades???
    Devemos aceitar passivamente os crimes ou devemos criticar e condenar esses crimes??
    Se nós somos espíritos imperfeitos e atrasados, nós não podemos censurar, nem criticar e nem condenar, temos que aceitar, tolerar e perdoar sempre, o nome disso é OMISSÃO.
    Uma pergunta, o Mestre Jesus deixou o exemplo da omissão ou o exemplo da condenação diante das coisas erradas e falsas???
    O exemplo que Ele deixou é para ser seguido ou não???
    Devemos meditar muito nisso sem vaidades e sem orgulho.
    3) O Mestre Jesus disse que não devemos levantar falso testemunho contra as pessoas, porem, temos que entender que Jesus estava condenando o FALSO testemunho, se o testemunho for Verdadeiro devemos levantar contra as coisas erradas e falsas.
    Jesus condenou o falso testemunho e não o verdadeiro.
    Exemplo, levantar um testemunho contra a corrupção dos políticos, levantar um testemunho contra o racismo, levantar um testemunho contra os vícios, essa é a diferença.
    Uma pessoa negra sofre racismo, ela tem todo direito de levantar seu testemunho contra os racistas eu deve se calar??
    O Mestre Jesus nunca foi omisso e nem passivo diante das coisas erradas e falsas, ele deu o exemplo, agora se Jesus tinha Moral para fazer isso e nós não temos a sua Elevação Moral para criticar e condenar o mal, então, diante dos políticos corruptos devemos nos calar, diante do racismo devemos nos calar, diante das maldades contra os animais devemos nos calar, essa é a conseqüência negativa dessa forma de pensar, deu para entender.
    Não podemos usar como desculpa o nosso atraso moral e espiritual, para ficarmos na omissão e na passividade.
    Dizem que Jesus ficou em silencio quando foi acusado, perguntamos, devemos ficar calados diante dos crimes, da corrupção política, do racismo, das maldades praticadas contra os animais, devemos ficar sempre calados???

  5. Isso é comum em pessoas com muita sensibilidade. Sentimos a energia emitida pelas pessoas. Obrigado pelo comentário, Renata.

  6. Bom dia! Muito bom o texto. Já aconteceu de eu sentir (não acontece com frequência) quando passo por pessoas ou quando viro de costas para alguem, que aquela pessoa emanou um pensamento negativo contra mim. Não sei captar qual foi o pensamento, e nem gostaria disso, mas sei que existiu. Estranho isso. Juro que em alguns momentos deu vontade de tirar satisfação, mas me contive, pois como você mesmo disse, quem são os donos do pensamento são os primeiros a serem beneficiados ou não com eles.

  7. Perfeito! Suas palavras são água para minha sede! Adoro ler os 5 minutos de espiritismo todos os dias, Morel! Obrigada!

  8. Morel, isso foi passado há tanto tempo pelo mestre Jesus e ainda cometemos os mesmos erros, desde que comecei a estudar o espiritismo e descobri este espaço venho tentando mudar o padrão de pensamentos e lendo essas palavras vejo quantas vezes desperdicei energia com esse descontrole emocional que você fala, mas sempre é tempo de mudar.
    Fique em paz e muito obrigado pelo aprendizado que tens me proporcionado.

  9. Foi bom ler isso hoje, serviu bem pra mim, já que estou sendo bombardeado por pensamentos ruins. Preciso dominar esses pensamentos, agora sei. Há em nossa volta uma infinidade de espíritos ainda apegados à matéria e eles são atraídos pelos nossos pensamentos, não é, Morel? Imagine que beleza será esse planeta quando houver a regeneração em que espíritos imperfeitos ainda serão tirados de nosso meio e lançados em planetas em formação, o pela igreja tão temido lago de fogo profetizado por João em Apocalipse. Aí sim esse plano se desenvolverá em sua máxima evangélica do amar ao próximo como a ti mesmo e a Deus sobre todas as coisas, sei que não é por estar simplesmente falando nisso que estou garantido de estar nesse novo plano, porém preciso me esforçar violentamente para poder retornar aqui naqueles tempos se não o lago de fogo pode ser pra mim também, por isso dizer Jesus que o reino é tomado com violência e os violentos se apoderam dele é que em comparação nós precisamos agir como os homens violentos que querem adquirir bens desse mundo e tudo empregam para enriquecer, nós buscando uma coroa incorruptível devemos agir assim com relação ao nosso avanço moral e espiritual empregando todos os meios para alcançar esse objetivo nobre. A paz a todos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.